“ Velhos amigos velhas canções, doses duplas, notas agudas. Fórmulas destiladas e puras.
Umas fermentadas  outras sem gelo, seqüencias de inconseqüencias.
Sem ensaios e com destinos, fizemos um sonho. Tocar é assim,  bem que a gente ja sabia! ”
.

Raríssimo...veja o  Valeu Tio  no instante do nascimento!

Segunda (e última) formação: Zoro, Dil, Ney e Caio


|Quem é quem|
|Photos|
|volta|
| Repertório |
| Amigos |
Caio- guitarraZoro- base, voz, gaitaZezé- bateriaRonaldo- baixoHelton- base, voz